VIRTUAL BOY - A trajetória do console mais esquizofrênico da NINTENDO.

Como curiosidade de hoje falarei do maior fracasso e cocô lançado pela maravilhosa e perfeita NINTENDO.

 

Pois é meus caros, até os maiorais erram na vida, por isso não se encabule se fosse cometer algum erro na sua vida, pois você poderá dizer:

 

-Oras, eu errei, mas tudo bem, pois até a NINTENDO já errou na vida!!!!!!!!!!

 

 

E qual foi o maior fracasso da BIG N????

 

Saiba você, que existem 3 coisas que nunca deveriam ter surgido nessa terra,

 

A 1ª delas é o pagode.

 

A 2ª são as novelas mexicanas do SBT

 

E a 3ª é com certeza o console VIRTUAL BOY da nossa querida NINTENDO!!!!!!!

 

Arghhhhhhhh!!!!!!!!!!

 

Ah! Lembrando que  em 4º lugar das coisas que não deveriam ter surgido na face da terra ficou com a seleção Argentina de futebol...

 

 

 

A ORIGEM

VIRTUAL BOY já nasceu como um erro de projeto quando seu inventor, o japonês GUNPEI YOKOI em 1992 teve em mente a “brilhante” idéia de lançar um console que gerasse aos jogadores idéia inovadoras de ambientes 3D durante os jogos, ele queria algo que fosse livre de televisores e coisas do tipo. A NINTENDO vendo que o japonês que dirigia a palavra havia sido o criador e desenvolvedor do GAME BOY e dos antigos GAME & WATCH abraçou a idéia dando total apóia na empreitada!

Gunpei Yokoi numa época em que ele ainda sabia usar a cabeça.

 

 

 

Meus amigos... e foi aí que começou a maçaroca!!!

Era uma época que a industria não tava pronta pra coisas desse tipo, justamente porque daria em merda, GUNPEI criou o VIRTUAL BOY com duas telas separadas para cada olho. O finado console usava um par de matrizes lineares de tamanho 1 x 244 e espelhos oscilantes para transformar uma linha de pixels em um campo completo. Esses espelhos vibram para trás e para frente em uma alta velocidade, causando um zumbido no interior do console. Ele gerava a ilusão de tridimensionalidade através do efeito conhecido como paralaxe, um objeto visto de dois pontos diferentes.  

-Eis a visão do inferno.

 

-Aqui está a prova de quem nem todos seriam felizes jogando essa coisa de duas telas...

 

 

Olha, visto a dor de cabeça que o processo gerava aos jogadores deduzi que o efeito é similar a um café da manhã na base de LSD e chá de cogumelo...

       =        

 

 

O CONTROLE DA BAGAÇA

Jesus, Maria e José!!!! Até o controle do baguio era bizarro! O tal controle possuía DUAS teclas direcionais, isso era a busca para o que GUNPEI YOKOI entendia como “adaptações exata para movimentos para jogos em 3 dimensões”, havia também as teclas A, B START, SELECT e logo atrás no controle as teclas L e R.

 

E além de tudo o controle era pesado... grande e com encaixes para mãos além do normal... sério, acho que os karas pensavam que quem iria jogar essa budega seriam o GORO, KINTARO e a SHEEVA.

Foi um erro até mesmo no controle... diferente do sensacional,perfeito, excelente, lindo, adorável, obra-prima e maravilhoso controle do SNES!!!!! \o/

 

-O Virtual Boy devia pesar o dobro desse pivete.

 

 

 

APRESENTADO AO PÚBLICO

A NINTENDO em 1994 colhia grandes frutos com seu sensacional,perfeito, excelente, lindo, adorável, obra-prima e maravilhoso  console de 16 bits, o SNES (o predileto por esse que vos escreve, caso vocês não tenham percebido,=D), e resolveu apresentar o console na feira SPACE WORLD do mesmo ano, essas feiras assim como as feiras da E3 são famosas por mostrarem em 1ª mão os principais lançamentos de determinado ano.

As declarações abaixo foram extraídas de revistas da época:

 

 

 

 

Como se pode notar apesar de toda a empolgação inicial o público não entendeu bulhufas do que se tratava esse console!

As principais reclamações incluíam dores na vista, controle horrível (por razões aqui já explicadas, heuheuehue) dores no corpo (para conseguir se posicionar bem pra jogar esse treco), jogos fracos e pouquíssimos em disposição, além dos próprios gráficos que apesar de passar um modo real tridimensional e de ser um console de 32 bits a imagem era pobre e irritante.

Palhaço da Praça explica: A ausência de LEDs para o geramento final da imagem fez com que ela ficasse monocromática, tendo a cor vermelha como cor perceptivel.

-Sim!!! Isso aí era a imagem do VIRTUAL BOY!!!!!

 

 

Kara, você consegue se imaginar jogando por 1h um jogo todo vermelho???????????????????

Pois é, ninguém na SPACE WORLD também não... e ninguém na feira da E3 já em 1995 ainda entendia essa coisa... caralho, era o fim da picada!

 

As criticas foram tantas que ficou a dúvida de que se a NINTENDO realmente lançaria essa porra.

Mas acredite ou não em 21 de julho de 1995, nascia o primeiro (e único) console de 32 bits da NINTENDO, o Virtual Boy chegou primeiramente as lojas japonesas. O preço de era salgado pra cacete e fez muito japa duvidar de comprar. Pois restava a dúvida do que era mesmo esse VIRTUAL BOY, ninguém sabia se ele era um sucessor do portátil GAME BOY ou um console de mesa como o  sensacional, perfeito, excelente, lindo, adorável, obra-prima e maravilhoso console de 16 bits, o SNES!

 

A esquizofrenia do novo console era tanta que ninguém arriscou muito em comprá-lo, era declarado oficialmente a primeira grande ovelha negra da família NINTENDO. 

 

Pois é meus amigos.... tanto investimento pesado e sem retorno com propagandas, jornais,  camisetas, canecas levando o logo do novo console fizeram a NINTENDO repensar nessa trolha de VIRTUAL BOY... A casa caiu com o lançamento no ocidente, que teve suas vendas um fracasso total. Foi uma verdadeira comédia, se ao menos essa lorota toda tivesse Jim Carrey como astro seria uma comédia aceitável...

 

 

 

JOGOS

Seus jogos foram poucos, afinal realmente era uma dor de cabeça jogar essa coisa e pasmem! Os jogos desse novo e prometedor VIRTUAL BOY era configurado para pausar a cada 15 ou 30 minutos de jogatina, para assim o jogador poder descansar a vista e evitar a enxaqueca. Terrivel... sem contar que o aparelhinho era indicado para maiores de 7 anos, exatamente pelo motivo da dor de vista.

-Para maiores de 7 anos? Então o que aquele pivete da foto anterior fazia jogando isso?

 

 

Veja fotos de alguns jogos póstumos desse console mais póstumo ainda: 

 

PINBALL:

 

 

MARIO TENNIS (Sim, teve até isso!)

 

 

WARIO BLAST:

 

 

VIRTUAL FISHING:

 

 

JACK BROS:

 

 

MARIO CLASH:

  

Arghhhhhh!!! Chega né!!!!! Até porque se eu postar todos os jogos aqui o site poderá ser processado por gerar enxaquecas aos internautas inteligentes que visitam esse maravilhoso ESPAÇO NINTENDO.

 

Bão... ao todo foram 22 jogos lançados para o console, um número vergonhoso, até a bazooca no SNES teve quase isso de jogos compátiveis.

 

No fim, Hiroshi Yamauchi (o presidente da BIG N na época) declarou fim a qualquer criação de jogos para o tal console.

-É o fim!!!!

 

 

A salvação poderia vir pelas mãos do mestre carismático SHIGERU MIYAMOTO, criador de praticamente todo o universo de personagens da NINTENDO, um crânio nos games!

 

Sua ausência na elaboração do VIRTUAL BOY é explicada pelo fato der que ele estava sendo o crânio para o desenvolvimento do NINTENDO 64 e não estava quebrando a cabeça com mais nada. O que foi bom, pois sua genialidade foi comprovada logo com SUPER MARIO 64.

 

Devido ao seu talento fodástico, Miyamoto tem todo o crédito na empresa da NINTENDO, pra você ter uma idéia um controle de um novo console hoje em dia nunca é finalizado sem sua opinião final, a posição definida para o botão Z no controle do GAMECUBE, por exemplo foi obra dele.

 

Palavras do mestre Miyamoto:

“Ele é apenas um brinquedo divertido... Quando se pensa nisso como uma plataforma de jogos, torna-se um verdadeiro fracasso. O Virtual Boy não conseguiu satisfazer as tarefas que deveria realizar”

 

E é verdade... todo o projeto foi totalmente estranho e ninguém entendeu bulhufas o que era essa praga de jogos infra-vermelhos.

 

Apesar de tudo o teimoso GUNPEI YOKOI ainda acreditava no tal bichano vermelhado, mas a realidade nua e crua foi que em um ano de vida o VIRTUAL BOY vendeu a miséria de 770 mil unidades, muito pouco comparado as vendas de qualquer outra plataforma da NINTENDO que sempre ultrapassam os 10 milhões de unidades, no mínimo. Ninguém queria gastar grana com essa bosta se ainda na época eles poderiam gastar em investimentos como o  sensacional, perfeito, excelente, lindo, adorável, obra-prima e maravilhoso console de 16 bits, o SNES!

 

Tanto que na época lojas o colocaram a promoções de U$20,00 pra se livrarem logo dessa coisa vermelha que agora criava mofos nas prateleiras... E veja só, hoje em dia o tal console é raridade vendida a preço de consoles da ultima geração em sites tipo Mercado Livre.

 

Como desfecho da história GUNPEI YOKOI se desligou da empresa onde já havia reinado (repito: ele criou o primeiro GAME BOY, que vendeu horrores, um absurdo de sucesso!)e  até hoje ninguém sabe se ele foi demitido ou pediu sua demissão pela pressão sofrida...

 

E assim se deu a morte do pior console já lançado pela NINTENDO.

Descanse em paz,

querido VIRTUAL BOY... 

 

Hehe!

Valeu galera!

Espero que tenham curtido essa coisa que postei, ah foi maneiro fala aí! >,

 

Té+ 

Um abraço do palhaço!

\o/ 

Postado por: PALHAÇO DA PRAÇA

Comente:

WTF?!

Metal Troll 23-04-2012
a ideia foi boa serio, mas porra esse console é o fim da produtividade
mas que porra de imagens fulera é essa!
sem falar do formato do console que parece um microscopio de inseminação artificial

puta que pariu!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Arthurlxs 31-08-2011
porque nao divia ser azul e vermelho como oculos 3D??? mais essa porra da puta que pariu e toda veeeeerrrrrrrrrrrrrrrmmmeeeeeeellllllhhhhhhhhhhhhaaaa se eu fosse o inventor dessa porra eu faria a imagem colorida mmmmmmmaaaaaassssss ainda bem que esse troço morreu <:D

Vermelho

Danilo 15-08-2011
Eu vou comentar de novo aqui...


Que bosta de jogos são esses? Meu Deus... só de olhar ja doi a vista, imagina jogando de verdade.

Não... pior, imagina os programadores... como é que eles fizeram jogos para isso? Imagina eles testando os jogos para corrigir os bugs... imagina quantos vieram a óbito... pense vc tendo o peso de criar o jogo mais fodon pra salvar essa coisa que se chama console...

Pelos cogumelos da Gostosa Peach... que coisa viu! =]

Controle

Danilo 15-08-2011
Agora eu sei da onde tiraram a inspiração de criar o controle do Game Cube! Cruzes.

@@

Don Ramon 14-08-2011
Graças a Deus eu só tinha 4 anos.

meu deeeuuuusss

Gustavo 12-08-2011
Eu nunca tinha ouvido falar desse troço ai !!!!!!!
E eu falando que Mr.DO !!! era ruim ( mas realmente e ruim )...

Por isso que o melhor console da Nintendo e o sensacional, perfeito, excelente, lindo, adorável, obra-prima e maravilhoso console de 16 bits, o SNES!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

merda

kaio 31-07-2011
que porcaria de mario tenis era aqueke vey que merda toda vermelha foi issso, ainda bem que morreu se nao eu mesmo morreria de raiva manchando a imagem do velho e bom mario

Novo Comentário

Visitantes online

ESPAÇO NINTENDO
Resgatando o nosso tempo de pivete desde:
23/01/2009

Parceiros